​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​​
  ​​​​​​​​​ Notícias
linha2.png


​FISCALIZAÇÃO EM USINA DE AMERICANA (SP) APONTA BARRAGEM EM CONDIÇÕES ADEQUADAS

​(27/02/2019) A ARSESP, por meio de delegação da ANEEL, realizou em 27 de fevereiro uma fiscalização na barragem da PCH Americana, em São Paulo. O relatório apresentado pela concessionária responsável pela usina atesta que as estruturas do barramento apresentam comportamento dentro dos padrões normais de segurança, manutenção e operação.


A ARSESP realizou a inspeção na barragem e estruturas associadas, e observou que as condições da barragem se encontram adequadas.

A usinas de Americana e Pirapora – que também passará por nova vistoria  - são as únicas monitoradas pela ANEEL que estão enquadradas na categoria de maior risco, devido a problemas observados em fiscalizações anteriores em suas estruturas ‘extravasoras’.

Na fiscalização da usina de Americana, o empreendedor informou que iniciou a manutenção determinada em 2017 e a concluiu no ano passado. A CPFL Renováveis, empresa controladora da PCH, informou para a ARSESP que aguarda a revisão da nota de risco da usina.

 

A ANEEL deve deliberar sobre a eventual mudança na avaliação em abril, seguindo o rito da fiscalização.

A inspeção verificou a elaboração do Plano de Segurança de Barragens e do Plano de Ação Emergencial das usinas, em conformidade com a Lei 12.334, de 2010, e seu adequado cumprimento.

Os relatórios com os resultados completos das fiscalizações serão emitidos posteriormente de acordo com o rito previsto pela Resolução nº 63/2004.

A fiscalização in loco da usina de Americana faz parte da força-tarefa liderada pela ANEEL que vai vistoriar 142 usinas 18 estados até maio. Depois dessa primeira etapa, a ANEEL continuará, entre maio e dezembro, a inspeção presencial para totalizar 335 empreendimentos fiscalizados em 2019.

 

 

Fonte: Assessoria de Imprensa da Aneel e Arsesp

Voltar